quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Autossuficiência

Vicki Dameron, "Flower Power"

Já me basto e abasto
De fundos sem gasto
Só...
E nem por isso casto

Não quero um doce
Romance
Denguice adoidada

Desejo uma moça sincera
Que dance e se canse
E sinta-se amada

Quero uma casa singela
E ver da janela
Mi'a nova estrada

Sozinho
Sulcando o caminho
Sentir a minh'alma
Gratificada

Amar, ser amado
Perdoar, perdoado
Quero apenas
Um novo plantio
O meu novo arado

E logo o amor doentio
Será descartado
Um lar sem fé senil
Nem vãos pecados.

7 comentários:

JAMES disse...

Dae Fernando...blz? Muito obrigado pelos comentários no meu blog, e parabéns pelo lindo trabalho.......abç do amigo Zé!!

Fernando J. Pimenta disse...

Eu que agradeço, Zézão! Fico sempre feliz quando artistas talentosos aparecem por aqui e comentam. Obrigado!! Continuarei sempre voltando ao teu blog, tão assiduamente quanto me for possível. Um abraço!

Edison Junior disse...

Faço minhas as palavras do James. Obrigado pela visita no meu sítio. Apareça sempre!

P.S. Legal seu blog! Voltarei mais vezes.

Fernando J. Pimenta disse...

Opa, valeu Edison! Voltarei sempre lá no teu blog também! Obrigado pelo elogio! Fico feliz. Grande abração!

MAM disse...

Falou Fernando, Muito obrigado pelos seus comentários
Grande abraço

Tu disse...

Seus textos são concretos e muito bem estruturado..

Você escreve bem!

Obrigada por visitar meu blog!

Fernando J. Pimenta disse...

Sou eu que agradeço, Tu. Valeu!