sexta-feira, 26 de abril de 2013

Um provérbio

Esses dias li no jornal (sim, estou vivo) uma frase latina, acompanhada da tradução:

Nulla dies sine linea. Nenhum dia sem uma linha.

Ou: nenhum dia sem que se escreva uma linha. Ou ainda: nenhum dia sem escrever uma linha.

Achei-a muito aplicável a mim. Nunca mais escrevi poemas, ou mesmo prosa. Pego no lápis, vejo  o papel à minha frente: nada sai. Nada de bom, ao menos. Nada que eu julgue bom para mostrar a vocês.

Quando veio o bloqueio, de fato pensei que eu iria morrer. O que é um artista sem sua arte? Ou melhor: o que é um suposto artista sem aquilo que ele acreditava ser sua arte? Mais que a nutrição para o corpo fornecida pelo pão, cada poema que eu terminava de escrever parecia acrescentar um ano a mais em minha vida. Parecia cultivar algo dentro de mim, uma horta verde e regada, exuberante mesmo.

Mais eis que sobrevivo, sem o que antes me era necessário para viver. Sobrevivo. Será que vivo?

Obrigado a todos vocês que me visitam. Tudo o que está no blogue é de fato meu, prosa ou verso. Às vezes até eu me surpreendo, porque acho uma ou outra estrofe realmente memorável. Sou extremamente crítico com o que escrevo. Num poema inteiro, às vezes colho uma estrofezinha do meu interesse, que passa à prova dos dias, dos meses... dos anos.

Fico feliz por não ter deletado meu blogue, embora eu nunca tenha cogitado em fazê-lo. Sinto que uma ou outra coisa aqui registrada ainda vale a pena. Para mim, pelo menos. Chego à conclusão que a vida nos muda demais. Demais.

Obrigado a vocês. Digo de coração. É só de coração que consigo ser professor, poeta, tradutor. Sem amor, não sou bosta nenhuma. Desculpem meu palavreado. Perto da USP tem um muro pichado assim:

Apatia tem cura

Essa é uma das melhores frases que li em anos.

Aproveitando que nosso poeta Leminsky voltou à moda com o lançamento, pela Cia. das Letras, de suas poesias completas, recomendo o vídeo que se encontra no seguinte link, em que Leminsky conversa sobre o grafite. Genial. Ge-ni-al.

http://www.youtube.com/watch?v=cXdKmKUcXAk

Um abraço forte a todos vocês, meus queridos e minhas queridas.

2 comentários:

laura sobenes disse...

te entendo completamente.

;-)

Tejal Chawla disse...

Hola! Necesito su ayuda! Por favor visite mi blog y puedo retirarme de mi examen! Gracias!

tejalchawla.blogspot.com